TRADUTOR (TRANSLATE)

terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Panqueca

INGREDIENTES (6 a 8 panquecas)

1 copo de leite
1 ovo
1 copo de farinha de trigo
1 col  sopa de óleo
1 pita de sal
1 col sopa azeite para untar a frigideira

MODO DE PRAPRO

Coloque todos os ingredientes no liquidificador (exceto a manteiga), e bata até obter uma consistência cremosa.
Unte a frigideira com azeite, utilizando uma folha de papel toalha, e quando estiver quente despeje uma concha de massa, fazendo movimentos circulares para espalhar a massa por toda a frigideira.



Deixe assar até que a borda esteja dourada. Quando a massa soltar-se do fundo,  vire e deixe assar do outro lado.


Recheie a gosto, enrole e sirva com o molho de sua preferencia.



segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Allesverloren Tinta Barocca 2013

País de origem:  África do Sul, região de Swartland
Vinícola: Allesverloren
Safra: 2013
Vinho Demi-sec
Amadurecimento de 8 meses em barricas de carvalho de primeiro, segundo e terceiro usos

Composição: Tinta Barroca (100%)
Teor Alcoólico: 14%
Guarda: 7 anos

Características: Cor vermelho rubi escuro, com olfativo de frutas vermelhas com notas de baunilha, chocolate e especiarias. Vinho de bom corpo, taninos macios e final saboroso com frutas vermelhas e sutil presença do carvalho.
Faixa de Preço (01/2017): Em torno de  R$ 76,00
Ideal ser servido a temperatura 15 graus.

Acompanha entrevero gaúcho, carnes, penne gratinado com alheira, batatas com cogumelos gratinados, frango caipira, terrine de lentilhas.

Minha avaliação:


Maison Bouachon Les Rabassières AOC Côtes-du-Rhône 2015

País de Origem: França, região de Côtes du Rhône
Vinícola: Maison Bouachon
Safra:  2015
Vinho Seco
Amadurecimento:  Em tanques de aço inox e em garrafa.

Composição: Grenache, Carignan e Mourvèdre
Teor Alcoólico:  14,0 %

Características: Cor rubi com reflexos violáceos, com aroma de morango, groselha, framboesa, especiarias, notas de pimenta e hortelã. Vinho equilibrado, fresco, macio, toque de baunilha, tosta e especiarias doces.
Guarda:  5 anos
Faixa de Preço (01/2017): Em torno de  R$ 59,00.

Ideal de ser servido a uma temperatura de 16 graus. 

Harmoniza com costelinha suína, cogumelos recheados, maminha grelhada com batatas rústicas, escalopes com legumes gratinados, lasanha de queijo, mix e queijos e embutidos.

Minha avaliação:

La Chamiza Polo Amateur Malbec 2016

País de Origem: Argentina, Mendoza
Vinícola: Finca La Chamiza
Safra: 2016
Vinho demi-sec
Amadurecimento em tanques de aço inox

Composição: Malbec (100%)
Teor Alcoólico: 12,0 %
Guarda: 4 anos

Características: cor rubi brilhante, com olfativo de frutas maduras, como cerejas e ameixas, com nuance de chocolate. Vinho frutado, fácil de beber, de corpo médio e taninos presentes.

Faixa de Preço (01/2017): Em torno de  R$ 39,00
Ideal ser servido a temperatura de 15 graus.

Acompanha filé à parmegiana, pizzas variadas, polenta à bolonhesa, filé acebolado, almôndegas recheadas com queijo e caponata de berinjela.


Minha avaliação:


Toro Loco Crianza 2013

País de Origem: Espanha,  região Utiel-Requena
Vinícola: Vinícola BVC España
Safra:  2013
Vinho Seco
Amadurecimento de 6 meses em barricas de carvalho.

Composição: Tempranillo (90%) e Cabernet Sauvignon (10%)
Teor Alcoólico:13,0 %

Características: Cor rubi intenso, com olfativo de cereja e framboesa, notas defumadas, especiarias como pimenta e baunilha. Vinho de taninos macios e equilibrados com a acidez, médio corpo, notas frutadas e de tosta.
Guarda: até 5 anos
Faixa de Preço (01/2017): Em torno de  R$ 54,00
Ideal ser servido a 15 graus, com uma decantação prévia de 20 minutos.

Harmoniza com churrasco, cupim assado com legumes, estrogonofe de carne, arroz carreteiro, pizzas variadas.

Minha avaliação:
Na prateleira. Ainda não avaliado.

Urmeneta Reserva Cabernet Sauvignon 2015

País de Origem: Chile, Valle Central
Vinícola: Vinã Urmeneta
Safra:  2015
Vinho Seco
Amadurecimento com passagem por barricas de carvalho
Composição: Cabernet Sauvignon (100%)

Teor Alcoólico:14,0 %

Características: Cor rubi escuro, com olfativo de frutas vermelhas maduras, ameixa preta, com nuances de especiarias doces. Vinho fresco, frutado, com boa estrutura e taninos presentes.
Guarda: até 5 anos
Faixa de Preço (01/2017): Em torno de R$ 49,00
Ideal de ser servido a 15 graus


Harmoniza com filé com batatas, frango grelhado com legumes, polenta à bolonhesa, hambúrguer, empada de frango, espaguete à carbonara e mix de queijos.

Minha avaliação:

Geleia de Figo Maduro

INGREDIENTES

1 kg de figos maduros lavados e cortado em fatias
2 xíc chá de açúcar cristal (aproximadamente 400 grs)
1/2 xíc chá de água
4 fatias de limão sem casca 




MODO DE PREPARO

Coloque os ingredientes um uma panela larga e alta (quando começar a ferver vai respingar) e deixe cozinhar em fogo baixo até começar a ferver e a calda a engrossar. 



Retire do fogo, retire as fatias de limão, e utilizando um mixer, desmanche os pedaços (se quiser pode deixar alguns) e leve novamente ao fogo, até que fique na consistência desejada (neste ponto é que respinga, e para evitar isto, tampe a panela, mas mexa de vez em quando para não grudar.




Desligue o fogo e coloque em vidros esterilizados (veja aqui o procedimento), deixando cerca de 1 cm até a tampa livre. Feche os potes com a geleia quente para formar vácuo, e deixe-os de cabeça para baixo até esfriarem bem.
Deste modo eles não precisam ir para o refrigerador até serem abertos.




Rolinhos de massa folhada com figo e presunto


INGREDIENTES

1 pacote de massa folhada retângular (em rolo)
fatias de presunto
fatias de queijo muçarela
3 ou 4 figos maduros cortados em fatias finas
2 col sopa de amêndoas laminadas ou castanhas 
1 gema de ovo batida para pincelar

PS: você pode substituir o figo maduro por geleia de figo, sendo que neste caso você  deve cobrir a massa com uma fina camada.

MODO DE PREPARO

Aqueça  o forno a 200 graus.
Desenrole a massa folhada e disponha sobre ela as fatias de presunto, sobre estas, coloque fatias de queijo, e sobre o queijo, as fatias de figo.




Divida a massa no sentido do comprimento em 3 partes, e enrole cada uma como se fosse um rocambole.
Corte os rolinhos com a espessura aproximada de um dedo. Unte um tabuleiro ou forma com manteiga, e disponha os rolinhos.
Pincele a superfície de cada um com gema de ovo, e espalhe sobre eles as amêndoas ou castanha.


Leve ao forno preaquecido por aproximadamente 10 minutos, diminua o forno para 180 graus e deixe mais uns 10 minutos. Leve em conta que estes tempos são aproximados, e você deve cuidar o ponto da massa folhada.

Desligue o forno, deixe esfriar e sirva.





sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Lasanha a Bolonhesa

INGREDIENTES (quantidades para um refratário de aproximadamente 24 x 16)

Da Lasanha
200 g de mussarela
200 g de presunto 
queijo parmesão ralado a gosto 
massa de lasanha o suficiente (aproximadamente 1/2 pacote de massa fresca)

Molho Branco
3 colheres (sopa) de margarina 
4 colheres (sopa) de farinha de trigo 
2 xícaras (chá) de leite 
2 xícaras (chá) de creme de leite 
sal e noz-moscada a gosto 
PS: Você pode utilizar molho branco pronto sem problemas

Molho Bolonhesa
1 colher (sopa) de banha ou óleo
2 dentes de alho amassados 
1 cebola picada 
500 g de carne moída 
2 xíc chá de polpa de tomate 
1 envelope de caldo de carne 
1 xíc chá de água quente 
sal e pimenta do reino a gosto

MODO DE PREPARO

Molho Bolonhesa 
Leve uma panela ao fogo baixo, com a banha, coloque o alho e a cebola e frite até dourar.
Aumente o fogo, coloque a carne e refogue bem. Acrescente a polpa de tomate e o caldo dissolvido na xícara de água.



Tempere com sal e pimenta do reino a gosto, e cozinhe em fogo baixo até ferver. 
Reserve.

Molho Branco (Caso você opte pelo molho branco pronto, pule esta etapa)
Em uma panela, derreta a margarina, e nela doure a farinha de trigo, sempre mexendo e em fogo baixo.
Aos poucos, vá incorporando o leite, cozinhando até ter um creme encorpado.
Acrescente o creme de leite, misture e tempere com sal e noz-moscada. 
Cozinhe por mais um pouco, desligue o fogo e reserve. 

Montagem 
Em um refratário, monte a lasanha, na seguinte ordem: uma camada de molho bolonhesa, massa de lasanha, mussarela, presunto, molho branco, massa, molho bolonhesa, presunto, molho branco, massa e queijo.





Polvilhe com queijo parmesão e leve ao forno preaquecido por cerca de 1 hora. 
Sirva em seguida.



.

quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

Guisado de Vagem

INGREDIENTES

1/2 kg de guisado
1/2 cebola picada
1 dente de alho picado
1 tomate picado
3 colheres de molho de tomate
200 g de vagem lavada  e cortada 
1 xícara e 1/2 de água
Tempero a gosto (sal, pimenta do reino, cominho)
1 col sopa de banha ou óleo

MODO DE PREPARO

Coloque um pouco de banha ou  óleo em uma panela e acrescente o guisado, e frite bem.




Acrescente a cebola, o alho e o tomate, e novamente deixe fritar.
Coloque o molho de tomate e as vagens, adicione a água, tempere a gosto e deixe ferver até a vagem cozinhar (aproximadamente 10 a 15 minutos).


Servir com uma salada e arroz.

Geleia de Ameixa

INGREDIENTES

900 grs de ameixas (já sem caroço)
670 grs de açúcar cristal (75% do peso das frutas)

MODO DE PREPARO

Corte as ameixas ao meio, retire o caroço e coloque-as em uma panela cobrindo com o açúcar cristal. Tampe a panela e deixe macerar de um dia para o outro. 



No dia seguinte, as frutas estarão mergulhadas em uma espécie de xarope, que nada mais é do que o sumo das frutas misturado ao açúcar.



Leve tudo para cozinhar, sem acrescentar água, mexendo de vez em quando.



Quando estiver no ponto (teste o ponto da geleia, utilizando um copo de água gelada, e deixe pingar uma gota da geleia, se o pingo cair inteiro no fundo do copo, esta no ponto) desligue o fogo e coloque em vidros esterilizados (veja aqui o procedimento), deixando cerca de 1 cm até a tampa livre. Feche os potes com o doce quente para formar vácuo, e deixe-os de cabeça para baixo até esfriar.





Deste modo eles não precisam ir para o refrigerador até serem abertos.





terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Geleia de Pêssego e Lavanda

INGREDIENTES

800 gramas de pêssegos maduros
1/6 de xícara de água
1 colher de sopa de botões de lavanda frescos ou secos
1 1/2 colher de sopa de suco de limão
1/2 colher de sopa de raspa da casca do limão
1 1/2 xícara de açúcar refinado
sementes do limão envoltas em um saquinho de gaze



MODO DE PREPARO

Descasque os pêssegos, retire o caroço e pique a polpa.
Aqueça a água e coloque os botões de lavanda em infusão por uns 15 minutos. Coe e reserve a água.
Leve uma panela mais larga do que alta ao fogo, e coloque os pêssegos, a água da lavanda,  o suco e as raspas do limão.


Mantenha em fogo alto até começar a ferver, e então abaixe a chama e mantenha no fogo por 10 ou 15 minutos, até que os pêssegos estejam macios.
Utilizando um amassador de batatas ou um garfo, amasse os pêssegos, mantendo alguns mais inteiros.



Coloque o açúcar e a lavanda e misture bem até o açúcar estar totalmente dissolvido.
Coloque o saquinho com as sementes do limão, que irá fornecer a pectina que é a responsável pela consistência da geléia.  Mantenha a panela em fogo brando por mais 20/25 minutos, mexendo de vez em quando. Retire e descarte a espuma que se formará na superfície, com o auxílio de uma colher.



Quando estiver no ponto, retire o saquinho das sementes e coloque a geleia ainda quente em vidros esterilizados (veja aqui o procedimento), deixando cerca de 1 cm até a tampa livre. Feche os potes com a geleia ainda quente para formar vácuo, e deixe-os de cabeça para baixo até esfriar.
Deste modo eles não precisam ir para o refrigerador até serem abertos.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...